Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Criança tem flecha encravada na cabeça durante brincadeira na zona rural de Oriximiná, no PA

Menina de seis anos de idade ia passando embaixo de um trapiche espécie de ponte quando o irmão flechou em direção ao rio e acabou acertando a irmã.

 
 -   /
/ /

Uma brincadeira de criança quase termina em tragédia na comunidade Serrinha, na zona rural do município de Oriximiná, no oeste do Pará, na manhã desta quinta-feira (8). Um menino estava brincado com os apetrechos de pesca do pai e acabou acertando a cabeça da irmã de 6 anos de idade, com uma flechada.

De acordo com o relato de José Francisco, pai das crianças, foi um desespero quando viu a fecha encravada na cabeça da filha.

"O menino estava brincando e eu chamei ele pra vir me ajudar com uma coisas. Eu não vi quando a menina desceu pra tomar banho no rio. Ela passou por baixo do trapiche e o irmão não viu. Ele soltou a flecha e logo em seguida a irmã apareceu na beira do rio e a flecha acertou a cabeça dela. Foi uma momento de descuido, eu não esperava. Foi tudo muito rápido, não teve como evitar. Na hora foi um desespero, um corre-corre", disse o José Francisco.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado e com o auxílio dos bombeiros civis deslocou uma equipe de ambulancha até à comunidade Serrinha para o resgate da criança.

"Graças a Deus nós temos essa parceria com os bombeiros civis e o transporte de lancha agilizou nossa chegada até à comunidade Serrinha. A criança estava com a flecha encravada na cabeça, mas estava estável e orientada. Fizemos o primeiro atendimento dentro da ambulancha e seguimos para a cidade para avaliação médica, mas ao que tudo indica a flecha não atingiu o crânio, a perfuração foi superficial", contou o coordenador do Samu, Fabiano Dias.

O Samu foi chamado por volta das 11h40 e o deslocamento de ida e volta levou cerca de 40 minutos. Após a chegada à cidade, a criança foi encaminhada à Unidade de Pronto Atendimento 24H, para exames e avaliação para remoção da flecha.

*Com informações de Leonardo Souza, de Oriximiná

VÍDEOS: Mais vistos do G1 Santarém e Região

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE