Cidades

Cidades

Fechar
PUBLICIDADE

Cidades

Cinco razões vitais para manter seus dentes saudáveis

 

Um belo sorriso não é a única vantagem de dentes saudáveis. Assim, os grandes benefícios de uma pessoa com dentes saudáveis não dependem da sua aparência estética, mas sim das doenças das quais um dente sãos o protege!

1. Um esmalte forte protege contra dor de dente. Isso significa que você pode comer alimentos e bebidas quentes e frias sem acordar com dor de dente. Um esmalte forte significa equivalente a dentes menos sensíveis às mudanças de temperatura nos alimentos e bebidas que você consome. Para ter um esmalte forte, é preciso ter uma dieta rica em cálcio, pois essa substância neutraliza os ácidos que se formam na cavidade oral. Ao mesmo tempo, evite bebidas e doces, e a ida anual ao dentista é obrigatória, mesmo que muitos de nós o digam por último.

2. Dentes saudáveis podem ajudá-lo a perder peso. Um bom atendimento odontológico, que consiste em escovar os dentes três vezes ao dia, além de usar fio dental e enxaguatório bucal, mantém a gengivite e outras inflamações gengivais sob controle. O que isso tem a ver com perder peso? Bem, a inflamação no corpo, incluindo a da boca, perturba sua taxa metabólica. Em outras palavras, as queimaduras. Por esse motivo, muitas vezes acontece que quem está com sobrepeso ou obeso também tem dentes quebrados.

3. Dentes saudáveis controlam o diabetes. Para os diabéticos é ainda mais importante ter dentes saudáveis, principalmente porque são mais suscetíveis a infecções. Dentes saudáveis vêm acompanhados de gengivas saudáveis. Mas no caso dos diabéticos, quando sofrem de problemas dentários, são muito mais graves. Em alguns casos, a inflamação das gengivas pode até levar à perda do dente. Quanto mais saudáveis forem os dentes, menores serão os riscos dentais de diabetes. Além disso, vários estudos mostraram que as pessoas com inflamação da gengiva têm flutuações maiores e mais incontroláveis de açúcar no sangue.

4. Limpar os dentes ajuda a saúde do coração. A endocardite é uma infecção das válvulas cardíacas ou de sua camada interna (o endocárdio). A endocardite geralmente é causada por bactérias que entram na corrente sanguínea e colonizam o interior do coração. Esses microrganismos perigosos chegam ao coração depois de entrar na corrente sanguínea. Como eles entram no sangue? Frequentemente pela boca. Infecções de gengivas, cáries e outros problemas dentários, bem como o mau cuidado dos dentes e da boca fazem com que toda a cavidade oral seja preenchida com bactérias que atingem facilmente o sangue, razão pela qual existe um alto risco de endocardite, a doença que virtualmente destrói partes do coração.

 

5. Aqueles que perdem os dentes antes dos 35 anos de idade correm o risco de sofrer de demência na velhice. Vários estudos têm demonstrado que pessoas que, por diversos motivos, perdem os dentes até os 35 anos, correm o risco de sofrer de doenças neurológicas que afetam a memória, como o Alzheimer. Na verdade, as estatísticas mostram que a má assistência odontológica é um fator que favorece a ocorrência de problemas neurológicos na velhice.

 

 

PUBLICIDADE

Curiosidades

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE